segunda-feira, 7 de abril de 2014

Resenha: Todos os meus amigos são super-heróis



Todos os Meus Amigos São Super Heróis 
Autor: Andrew Kaufman
Tradução: Érico Assis
Numero de Páginas: 176
Editora:  LeYa
Existem aproximadamente 249 super-heróis na cidade de Toronto. Tom não é um super-herói, mas conhece vários: O Anfíbio, A Pilha de Nervos, A Bronca, O Homem Impossível, O Minigigante, Daquiapouco, A Doma-Rapaz, dentre outros. Tom casou-se com uma super-heroína, A Perfeccionista, cujo poder é tornar tudo perfeito. No dia do casamento, Hipno, supervilão e ex-namorado de Perfeccionista, hipnotizou-a: Tom ficou invisível, mas somente aos olhos dela. Depois de dois meses sem notar o marido, a Perfeccionista está prestes a pegar um avião para recomeçar a vida em Vancouver. É a partir de uma bela história de amor que Todos os Meus Amigos São Super-Heróis constrói um universo onde amizade, romance, profissões e cotidianos muito parecidos com os nossos ganham uma fina pátina de superpoder - ou mostra que superpoderes são apenas uma questão de ponto de vista. Tom está desesperado para que sua amada Perfeccionista volte a enxergá-lo e amá-lo. Como resolver isto sendo o único ser humano sem poderes nessa história?
Todos os meus amigos são super-heróis é um achado que a Leya nos trouxe mês passado. Trata-se de uma história curtinha, com tiradas divertidas, mas que nos faz refletir bastante sobre nós mesmo e sobre o convívio com as pessoas a nossa volta.
A história gira entorno do relacionamento de Tom, o único personagem desse livro que não é um super herói, com sua esposa Perfeccionista. Os fatos que se desenrolam ao longo do livro ocorrem logo após o casamento dos dois, onde o ex-namorado de A Perfeccionista, Hipno, a hipnotiza fazendo-a a acreditar que Tom está invisível. A Perfeccionista não enxerga Tom, seu toque vira uma especie de desconforto e Tom se encontra em estado de desespero tentando tornar-se visível aos olhos de sua esposa. Ao longo da narrativa conhecemos a história do casal, como se conheceram, como eram alguns de seus antigos relacionamentos, seus familiares e amigos. O livro vai de maneira sútil apresentando personagens diferentes, com diferentes super poderes.
Os super-heróis que vão aparecendo são pessoas com peculiaridades, é bastante possível que você se reconheça e reconheça alguns de seus amigos entre eles. Durante o livro me vi falando "Nossa olha o fulano, olha a ciclana" é engraçado, pois vemos que algumas características são recorrentes e que nem aquilo que acreditamos que é "especial" em nós, de fato é tão único assim.
Uma frase contida no fim do livro poderia exemplificar isso que disse acima:
"Cada um desses super-heróis é especial mas normal, talentoso mas desajeitado, exultante mas triste, ao mesmo tempo extraordinário e comum. Como você e eu."
  De maneira simples também nos faz refletir sobre as diversas relações que temos, e sobre como as outras pessoas influenciam a nossa vida e como influenciamos a vida do outro. O ponto que poderia citar como principal em Todos os meus amigos são super-heróis é esse, as relações, a maneira com que nós tratamos aqueles que amamos, nossas amizades, nossos familiares. Aos poucos vamos notando que os defeitos que cada uma das pessoas possui influencia na vida daqueles que são próximos e também é possível refletir e dizer para si mesmo "Será que posso melhorar?". 
Eu não sou uma pessoa de auto-ajuda, esse de fato não é um livro de auto-ajuda, mas a maneira com que ele conseguiu me fazer pensar através de palavras simples e analogias engraçadas (Como um médico que trata de um coração quebrado como se fosse um mecânico de carros, inclusive abrindo o "capô" do peito e usando ferramentas para o concerto.) me encantou e me fez uma pessoa mais feliz durante o tempo em que o li.
Sabe aquele livro que te deixa com um sorrisinho alegre e a cabeça em um turbilhão de ideias? Esse é 
Todos os meus amigos são super-heróis.
Outra coisa que é legal ressaltar sobre o livro é que ele contém ilustrações muito legais ao longo dos capítulos, olha só algumas:




























Um amor né? Meu coração de ilustradora iniciante ficou apaixonado! AHAHA
Por fim, se você quer conhecer mais de si mesma, entender mais das suas relações e ainda se divertir com isso, recomendo esse livro. Mas mesmo se você não quiser saber nada disso, aposto que você está curioso para saber se A Perfeccionista volta a ver Tom, e por que eles se apaixonaram, então, siga em frente!

Comente com o Facebook:

23 comentários:

  1. Não conhecia esse livro, achei bem interessante pela resenha a história e principalmente pelas ilustrações (tenho uma queda secreta por ilustrações em livros ♥), uma boa dica de leitura.
    Beijos ;*

    http://girlbeinggeek.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia o livro e nem sou ilustradora, mas o livro ficou com todo meu amor a primeira vista por causa das imagens *--*

    Adorei tanto o trabalho gráfico que tu comentou, quanto o fato de aparentar ser uma leitura rápida e leve. Com certeza vou adiciona-lo a lista de desejados :D

    bjs
    http://www.confraria-cultural.com/

    ResponderExcluir
  3. Gostei da resenha, nao conhecia essa historia, parece ser legal e gosto de livros curtinhos.

    http://momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes é bom ler algo curtinho para descontrais :3

      Excluir
  4. Não conhecia o livro e pela sua (ótima) resenha achei bem interessante, creio que ainda não li uma história do tipo.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Já tinha ouvido falar do livro e agora estou com ainda mais vontade de ler. Nada melhor que um livro que nos faça refletir.

    Beijos

    www.antesdos40.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AA leia logo, aposto que vai ter interpretações bem legais da obra!

      Excluir
  6. Gostei da premissa do livro sobre tratar e abordar o assunto de influências. É tão comum hoje em dia uns serem influenciáveis por coisas ou pessoas. A temática do livro parece fascinante. Parabéns pela resenha.
    Adorei seu blog, visite o nosso, será uma satisfação. Se gostar e tiver interesse em seguir, só nos avisar que iremos retribuir com muito carinho.
    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso Top Comentarista

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é de fato muito interessante!
      Obrigada!

      Excluir
  7. O que mais me chamou atenção neste livro, foi o título. Mas quando você falou das ilustrações, meu coração deu um pulo! São muito lindas!

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
  8. Oi, Ca, tudo bem?!
    Acho que, primeiramente, eu compraria o livro apenas pela capa. É linda, e pelo que li na resenha, combina bastante com a proposta da obra. No começo pensei que o livro era auto-ajuda pura, mas fiquei muito contente em saber que estava enganada!

    Beijos
    Blog Procurei em Sonhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também fiquei com uma pulguinha atras da orelha, mas confesso valeu a pena ter lido!

      Excluir
  9. Oi Camila!
    Achei a história bem interessante e diferente de tudo o que eu já li. Pois é, nunca li um livro com super-heróis! rs. Fiquei bem curiosa quanto ao final. Tadinho do Tom, deve ser triste estar invisível pra uma pessoa que você ama, né?
    Está rolando lá no meu blog o sorteio de um par de ingressos para o filme "Divergente" e, se você ainda não estiver
    participando, vou ficar feliz se participar.
    Beijos

    www.somosliterarias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tom só sofre, mas leia que c vai ver que as coisas podem melhorar! rs
      Vou dar uma olhadinha sim Tati, obrigada!

      Excluir
  10. Já outras resenhas do livro e quero ele, com certeza irei gostar ^^
    Brubs
    contodeumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Já tinha visto esse livro em outros blogs e gostei bastante da premissa dele, a capa é linda e o título bem interessante. Acho que gostaria muito de ler, a Leya inclusive está com uns lançamentos bem interessantes esse ano!

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Ah, eu achei esse livro tão lindo! To louco pra ler já. Adorei a resenha! E essas ilustrações, de divas *-*
    http://mundoemcartas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
Livrologias, por Camila Teixeira © 2015
Design e desenvolvimento por Chave Criativa